Raízes Expostas

6 Problemas Associados Às Raízes Expostas

Quando há uma diminuição na quantidade da gengiva que envolve o dente, podem ocorrer vários problemas associados às raízes expostas. Essa situação pode afetar somente um dente ou vários ao mesmo tempo.

Você sabe quais são esses problemas? Quer conhecê-los? Então, recomendamos a leitura deste texto. A seguir, listamos as principais condições relacionadas à exposição das raízes dos dentes.

1) Retração gengival

A retração gengival é considerada um problema de saúde bucal contemporâneo. Isso porque estresse, falta de concentração  e a correria do dia-a-dia estão diretamente relacionadas a essa condição.

Contudo, além dos danos estéticos, a retração gengival oferece outros riscos à saúde dental, como, por exemplo, fraturas dentárias por excesso de desgastes nas raízes expostas ou acúmulo da placa bacteriana causadora de cáries.

2) Perda óssea dentária

A perda óssea dentária é uma consequência de inflamações severas nas gengivas e nos dentes em função da formação de placa bacteriana, proveniente de restos de comida e microrganismos que se alojam na boca.

Ainda, essa perda costuma afetar a gengiva, os ligamentos e os ossos. Quando há um desgaste na estrutura em torno do dente, o quadro passar a ser irreversível. Por isso, a melhor forma de preveni-la é através da higiene bucal adequada.

3) Dor e sensibilidade crônica

Quando há retração gengival é normal que haja uma sensibilidade dos dentes, especialmente se houver a ingestão de alimentos quentes, frios, cítricos ou doces. O desconforto também pode ocorrer em ambientes excessivamente frios.

Além disso, em casos graves de sensibilidade dentária, o simples ato de falar é suficiente para provocar uma dor intensa. Nessas situações, as raízes já estão muito expostas e desgastadas, o que exige o tratamento endodôntico.

4) Cáries dentárias

A cárie é uma infecção dental provocada por bactérias que estão presentes na boca e que se acumulam formando placas duras e difíceis de serem removidas pela escovação. Com o tempo, ocorre a perfuração do esmalte dos dentes, causando dor e desconforto.

Outro caso específico é a cárie radicular, que também é uma consequência das raízes expostas. Com essa exposição, o dente fica desprotegido, contribuindo para a maior incidência de cáries.

5) Diastema

Diastema é uma condição que se caracteriza pela presença de qualquer espaço localizado entre dois dentes, independente da causa ou do local em que ele aparece. Além dos danos estéticos, este problema favorece o aparecimento de cáries e doenças gengivais.

Embora não apareça só nos adultos, quando chega na vida adulta, o diastema pode exigir uma série de tratamentos para recuperar a função e estética do sorriso afetado. Essa condição está relacionada à perda dentária que, consequentemente, está associada às raízes expostas.

6) Periodontite

A periodontite é uma infecção bacteriana dos tecidos, ligamentos e ossos específicos que envolvem e sustentam os dentes. Trata-se da segunda fase da doença da gengiva, sendo um quadro mais grave.

Ainda, essa infecção é irreversível e pode acarretar a perda permanente de dentes. Como as raízes expostas podem levar ao aparecimento de cáries e à perda óssea, a periodontite está indiretamente associada ao problema.

Então, com a leitura deste post, você conheceu alguns dos principais problemas relacionados às raízes expostas. Portanto, caso sofra com alguma dessas condições, converse com seu dentista.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe