Raiz Exposta

Raiz Exposta: X Causas E Tratamentos

A retração das gengivas é um problema cada vez mais comum entre jovens, capaz de deixar os dentes com a raiz exposta, causando muito incômodo e facilitando o desenvolvimento de várias doenças bucais, principalmente as cáries.

Você sabe por que isso ocorre? Quer saber mais sobre todas as causas e possíveis tratamentos para este problema? Então, recomendamos a leitura deste post. A seguir, explicaremos tudo o que você precisa saber.

O que é a raiz exposta?

Como o próprio nome explica, a raiz exposta ocorre quando as raízes dos dentes ficam desprotegidas e expostas. Se você sente pontadas dolorosas ao escovar os dentes ou dor de dente ao ingerir alimentos quentes ou frios, pode ser que esteja sofrendo com esta condição.

Ainda,  a raiz do dente é formada pela polpa sensorial e a dentina que, por sua vez, são revestidas por uma substância chamada cemento. Quando essas raízes perdem a proteção da gengiva, ficam expostas a bactérias, placas, ácidos e a temperaturas extremas, ocasionando a sensibilidade dentária.

Além disso, o cemento não é uma substância resistente como o esmalte dos dentes, podendo facilmente se deteriorar ou se desgastar rapidamente com a escovação. Com isso, os dentes ficam mais sensíveis e menos estáveis.

Como esse problema ocorre?

Existem diversos fatores que podem contribuir para a exposição da raiz do dente. De modo geral, antes que esse problema surja, a gengiva passa por um processo inflamatório. Em seguida, há uma retração e uma recessão do tecido gengival.

Ainda, a principal causa da raiz exposta é a ocorrência de traumas durante a escovação. Outros fatores que também são frequentemente associados são:

  • periodontite crônica ou agressiva;
  • bruxismo;
  • diabetes;
  • fumo;
  • alergias ao metal de próteses dentárias;
  • má higiene bucal;
  • interferência oclusal;
  • presença de tártaro;
  • uso de medicação que causa xerostomia ou deixam a boca seca;
  • colocação de piercing na boca.

Qualquer pessoa pode sofrer com esse problema?

A resposta é sim. O processo de exposição da raiz dentária é lento e gradual, podendo se manifestar em qualquer idade. Geralmente, quando o paciente já relata dor ou apresenta uma retração do tecido, o problema está instalado e dificilmente é revertido.

Como é o tratamento?

O tratamento para a exposição da raiz dentária começa por uma mudança na rotina diária de cuidados bucais. Para aliviar a sensibilidade, recomenda-se o uso de creme dental voltado para dentes sensíveis e escova dental de cerdas macias.

Durante a escovação, não faça movimentos rígidos e agressivos, mas circulares e sem pressionar com muita força. Além disso, o paciente é orientado a parar de fumar para não irritar a gengiva.

Ainda, o tratamento da retração gengival é determinado após a análise do grau de exposição da raiz e da identificação da causa pelo dentista. As principais alternativas são:

  • cirurgia plástica da gengiva para repor o tecido perdido;
  • restauração direta em resina para cobrir a parte exposta do dente;
  • uso de facetas dentárias ou lentes de contato para melhorar a estética dos dentes;
  • tratamento periodontal para remover o tártaro e a placa bacteriana.

Enfim, com a leitura deste post, você conheceu um pouco mais sobre esse problema chamado raiz exposta. Portanto, se você sente esse desconforto ou sintomas relacionados a essa condição, converse com seu dentista.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe