implante dentário

Como é feito o implante dentário sob uma ponte?

A perda dentária é um problema que traz consequências diversas para a vida de cada pessoa. Causa transtornos não só de ordem estética como também funcionais, que irão afetar a qualidade de vida e saúde bucal como dor na articulação têmporo-mandibular e na face, flacidez na pele do rosto devido à perda óssea, sobrecarga de dentes saudáveis (pois a mastigação é realizada apenas de um lado), retrações gengivais, dentre outros.

Diante desse problema, tanto as pontes quanto os implantes dentários são opções para repor dentes perdidos. Contudo, existem diversas diferenças entre os dois procedimentos, que devem ser analisados com cuidado, visando principalmente às necessidades individuais e à melhora da qualidade de vida.

Qual a diferença entre implante dentário e ponte?

As pontes são coroas, ou seja, dentes artificiais, constituídos de materiais como resina ou cerâmica, que substituem o dente natural. São recomendadas para quem perdeu um ou mais dentes, mas ainda restam alguns na boca, pois a prótese é ancorada nos dentes vizinhos. 

Os implantes são coroas que ocupam a área do dente perdido, fixada numa raiz artificial feita em titânio, que é instalada no lugar da raiz do dente perdido. É feita uma cirurgia para a implantação da base e o processo de recuperação é bem mais complexo e lento.

Com relação à durabilidade, os implantes obtêm um resultado muito mais satisfatório. Com higiene bucal adequada, já houve implantes que duraram 24 anos, contra cinco da dentadura.

Com relação ao custo, os implantes podem ser de duas a três vezes mais caros que as pontes. Os preços podem variar de acordo com com vários fatores, como o tipo de material utilizado e a região do país. Contudo, a média de preços costuma variar entre R$ 2.000,00 e R$ 4.000,00 por implante.

Implante duplo

O implante duplo é mais indicado quando há a ausência de três ou mais dentes vizinhos. O procedimento se caracteriza pela fixação de dois pinos que funcionarão como raízes artificiais e o encaixe de uma coroa intermediária nas duas próteses. Isso forma uma espécie de ponte entre os dois dentes com pinos e o que está no meio.

O procedimento de implante dentário não é mais algo que cause dor. Contudo, como em toda cirurgia, é necessário adotarem-se cuidados tanto pré quanto pós-operatórios, para garantir o sucesso do procedimento. Os riscos são muito pequenos em implantes dentários e os indivíduos costumam não ter problemas após o procedimento. Alguns dentistas receitam antibióticos, que devem começar a ser tomados alguns dias antes do implante.

Tratando-se de próteses múltiplas (união de vários elementos dentários ou próteses totais fixas sobre implantes), é importantíssimo ressaltar o papel fundamental da higiene bucal, que deve ser complementada. Além da escovação convencional, devem-se usar escovas interdentais e fio dental super floss, que são necessários para que se atingirem áreas onde a forma convencional não consegue limpar de maneira adequada. 

O segredo para se recuperar o sorriso perfeito consiste na escolha de um bom e experiente dentista para esse procedimento e a cooperação do indivíduo com a higiene bucal.

 

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe