implante

Cuidados na alimentação e higienização pós-implante

Manter a boa saúde da boca exige alguns cuidados de higienização básicos mas fundamentais para evitar problemas na gengiva, cáries, perda de dentes, mau hálito, etc. Ignorar esses problemas durante os anos exigirá procedimentos cirúrgicos, não só para recuperar a saúde bucal, mas também para voltar a sorrir sem constrangimento. Em grande parte das vezes, é preciso recorrer a um implante. O objetivo do implante é simular um dente natural. Por se tratar de uma peça artificial, muitas pessoas ignoram a higienização no local. Isso, entretanto, leva ao risco de novos problemas bucais e reduz o tempo de vida útil da peça. Será, então, necessário trocá-la por uma nova, o que aumenta os custos do tratamento. Para evitar os problemas na boca e no bolso, confira em seguida como proceder após a colocação do implante.

O implante dentário

Implante dentário é uma peça composta de duas partes. Um pino metálico feito de titânio, que é parafusado no tecido ósseo. Ele tem a função de substituir a raiz do dente servindo de suporte para a coroa protética, a outra parte que, normalmente, é feita de resina ou porcelana.

A mudança da alimentação

Logo após a implantação e até a total cicatrização do local onde ele foi feito, o dentista recomendará alimentos com textura pastosa e frios ou gelados. Dessa forma, ajudarão a diminuir o inchaço, o que é comum após a cirurgia. Assim sendo, sucos, vitaminas e sorvetes devem ser a base da dieta. Em contrapartida, alimentos mais duros, que exijam uma mastigação maior devem ser evitados. Em casos de indivíduos que colocaram apenas prótese individual, recomenda-se fazer a mastigação pelo lado da boca contrário do implante.

Cuidados básicos na higienização

Escove os dentes com a mesma regularidade de antes, ou seja, ao menos três vezes ao dia ou após cada alimentação. Recomenda-se o uso de escova com cerdas macias. Faça movimentos circulares e de dentro para fora, passando a escova por todos os dentes. Lembre-se de escovar também o céu da boca e a língua, pois nesses locais se acumulam muitas bactérias, que causam mau hálito e outros problemas bucais. O fio dental também deve ser usado com regularidade. Também deve ser passado por todos os dentes. Outra solução para fazer a limpeza entre os dentes é a escova interdental. Quanto ao antisséptico bucal, só deve ser utilizado se for de consentimento do dentista, uma vez que não é aconselhável fazer bochechos nos primeiros dias após a operação.

Outros cuidados

– Evite o uso de álcool e cigarro. – Evite se expor ao sol nos primeiros dias. – Não abra objetos com os dentes. Seguir essas dicas garantirá a perfeita adaptação do implante à boca ampliará sua durabilidade. Ainda assim, é fundamental consultar regularmente o dentista, para fazer o devido acompanhamento. Ele saberá o momento certo de fazer a troca ou a necessidade de algum ajuste. Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!
Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe