gengivite

Gengivite: como identificar os sintomas

A gengivite é uma das doenças bucais mais comuns, que pode acontecer em pessoas de todas as idades. Embora seja um problema simples, se não for identificado e tratado corretamente pode evoluir para condições mais sérias.

Nesse sentido, é uma inflamação que provoca uma série de sintomas desagradáveis, comprometendo a saúde bucal. Uma condição que merece atenção para evitar complicações de interferem nos aspectos funcionais e estéticos dos dentes.

Por isso, é fundamental entender as características da doença e seus primeiros sinais para saber quando procurar um dentista e avaliar possíveis tratamentos. Pensando nisso, confira neste post quais os sintomas e como identificar a gengivite!

Afinal, o que é a gengivite?

A gengivite é uma doença periodontal que consiste na infecção da gengiva pela formação de placas bacterianas. Uma doença simples e muito comum, onde a placa bacteriana evolui e se transforma em tártaro, deixando a região afetada mais sensível.

A doença é tratável com medidas simples adotadas no dia a dia e prescritas previamente por um dentista. Entretanto, é imprescindível que seja devidamente tratada, para evitar que evolua para doenças mais graves, como a periodontite.

Quais as principais causas?

O principal fator que causa a gengivite é a formação de uma placa bacteriana nos dentes, provocada pela falta de higienização correta. Assim, restos de alimentos se acumulam entre os dentes e gengiva, atraindo as bactérias que causa a doença.

Os seguintes fatores também podem ser causadores da gengivite:

  • escovação com força excessiva;
  • dentes desalinhados;
  • aparelhos ou próteses mal encaixadas;
  • reação a medicamentos;
  • exposição a metais pesados, como chumbo e o bismuto.

Além disso, a baixa produção de saliva, hábito de fumar, tártaro, cáries, oclusão e alterações hormonais também são agentes de risco. Ao notar qualquer uma dessas condições, é recomendável procurar o dentista para uma análise profissional.

Quais são os sintomas?

Os sintomas da gengivite ficam mais intensos de acordo com o grau da doença, ou seja, se o tratamento for ignorado os sintomas evoluem para condições críticas. Contudo, é possível dividir os sintomas entre casos avançados e iniciais.

Os sintomas comuns no início da gengivite são:

  • gengiva amolecida;
  • hálito e gosto ruim na boca;
  • inchaço e vermelhidão ao redor dos dentes;
  • sangramento ao escovar ou ao passar o fio dental.

Em casos mais avançados os sintomas são:

  • mau hálito intenso;
  • alteração do paladar;
  • retração da gengiva causando a sensação de dentes mais longos.

O que fazer ao identificar a doença?

Ao perceber que os sintomas estão recorrentes, mesmo que sejam os mais simples como pequenos sangramentos, inchaços e vermelhidão, o ideal é procurar ajuda profissional de um dentista para uma análise clínica da situação.

O diagnóstico precoce é essencial para garantir um tratamento eficaz e restaurar a saúde bucal com o menor tempo possível. Dessa forma, os sintomas são aliviados e elimina as possibilidades de a gengivite evoluir para uma doença periodontal mais grave.

Portanto, a gengivite é uma doença tratável e de fácil prevenção, basta ter boas práticas de higiene bucal e consultar o dentista regularmente. É o melhor caminho para evitar que os sintomas causem transtornos e comprometam o seu bem-estar.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe