escurecimento dos dentes

Como prevenir o escurecimento dos dentes?

Quem não gosta de um sorriso branco, não é mesmo? Além da preocupação estética, dentes amarelados podem ser sinal de problemas de saúde bucal. O escurecimento dos dentes é resultado da falta de cuidado, misturada ao avanço da idade. Por isso, cuidar desde cedo da saúde bucal é importante para evitar dentes escuros.

O elemento dentário é formado por 3 estruturas: a polpa, a dentina e o esmalte. O que confere a cor do dente é a dentina. Dessa forma, o escurecimento se dá pelo desgaste natural e progressivo da parte externa do dente, no caso o esmalte, inerente de idade. Geralmente as pessoas mais velhas têm dentes mais escuros do que as pessoas jovens. No entanto, existem pessoas que, apesar da idade, têm dentes mais brancos do que as outras. Nesse caso, hábitos de vida podem influenciar no escurecimento dos dentes.

Dicas para evitar o escurecimento dos dentes

  • Faça a higiene bucal corretamente: o principal fator para evitar os dentes escuros é fazer uma boa higiene bucal. Escove os dentes, pelo menos, três vezes ao dia. Se possível, escove sempre depois das refeições.
  • Evite alimentos com muito corante: a alimentação industrializada possui muito corante, que acaba manchando os dentes. Por isso, fique atento a alimentos de cores fortes, como molhos de tomate e molho shoyu.
  • Diminua o consumo de café e refrigerantes: essas bebidas aceleram o escurecimento dos dentes, assim como os vinhos. Não é preciso excluir totalmente da alimentação, mas é importante diminuir o consumo e, sempre que possível, escovar os dentes após o contato com elas.
  • Beterraba: assim como o café, possui muito corante, sendo um dos alimentos que mais pode causar escurecimento dos dentes.
  • Frutas Vermelhas: amora, blueberries, morango. Também consideradas frutas cromógenas e podem causar o escurecimento dos dentes.
  • Não fume: além dos diversos problemas de saúde causado pelo consumo do cigarro, os produtos que o compõem também facilitam o surgimento dentes escuros.
  • Medicamentos: alguns medicamentos podem causar alteração da cor do dente durante seu processo de formação, como o caso de alguns antibióticos.
  • Problemas dentários: os dentes submetidos a endodontia (dentes desvitalizados) e dentes com necrose da polpa, nomeadamente provocada por traumatismo, também podem deixar os dentes acinzentados ou amarelados com o decorrer do tempo.
  • Tratamento ortodôntico: normalmente, durante a realização de um tratamento ortodôntico fixo ou correção com aparelho dentário existe também a hipótese dos dentes ficarem mais amarelados. Porém, como o escurecimento é superficial, a cor retorna após a retirada do aparelho.

Vale a pena lembrar que fatores genéticos também influenciam a tonalidade dos dentes. Ou seja, determinadas pessoas podem ter predisposição genética (transmitida pelos pais).

Como tratar os dentes escuros

Além de evitar os alimentos e produtos citados, existem alguns tratamentos que podem ajudar a clarear os dentes e voltar à sua cor natural.

Cada caso de amarelamento requer um tipo de cuidado, que dependerá da causa e do estado em que se encontra o dente. O tratamento engloba diversos métodos, como uso de resinas, aplicação de lente de contato dental e clareamento (profissional e/ou caseiro).

 

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe