Doença periodontal

Doença periodontal: conheça os estágios

A doença periodontal é uma condição que merece atenção e tem potencial para atingir quadros graves, comprometendo a saúde bucal. Trata-se de uma doença progressiva, ou seja, se não houver o devido cuidado pode evoluir e chegar a estágios críticos.

Nesse sentido, a doença periodontal normalmente apresenta sintomas iniciais leves e com o tempo, pode provocar situações sérias e desagradáveis — devido a esse motivo, é importante conhecer sobre o problema e procurar um dentista para evitar complicações.

Se você deseja cuidar da saúde bucal e eliminar riscos graves para a saúde bucal, entender os estágios da doença periodontal é imprescindível. Pensando nisso, continue a leitura deste post e saiba o que é e os estágios do desenvolvimento da doença periodontal!

O que é a doença periodontal?

A doença periodontal é uma doença que afeta a gengiva e a estrutura que dá sustento ao dente, causada pela infecção de microrganismos. O acúmulo de placas bacterianas provoca infecções, que comprometem a estrutura dos dentes causando inflamação, gengivite e outros problemas.

Sendo assim, a doença periodontal tem início com a higiene oral precária, que permite a formação das placas bacterianas e surgimento dos microorganismos. Com isso, o paciente tem pequenos sintomas iniciais e a doença vai progredindo caso não haja o tratamento adequado.

Quais os estágios da doença periodontal?

Embora não pareça, a doença periodontal é uma das mais comuns no Brasil, afetando principalmente os adultos. A evolução dos quadros da doença acontece em 3 estágios, que devem ser diagnosticados por um dentista especialista para a orientação dos tratamentos de acordo com cada situação.

Veja a seguir, quais os 3 estágios da doença periodontal!

Estágio inicial – gengivite

A gengivite, inflamação gengival causada pela placa bacteriana, é a primeira etapa da doença periodontal. Nesse caso, o paciente sente pequenos sangramentos, aumento da sensibilidade, inchaço e vermelhidão, notados principalmente durante a escovação ou alimentação.

Estágio intermediário – periodontite

Após o avanço da gengivite, inicia-se a etapa intermediário, que é a periodontite. Nessa fase, a infecção evolui e atinge também os tecidos de suporte do dente e o osso, causando dores e sintomas mais intensos em relação à gengivite.

Estágio severo – periodontite avançada

A periodontite avançada é o terceiro estágio da condição, ou seja, é o nome atribuído à doença em estágios avançados. Geralmente, esses casos acontecem devido à falta de tratamento dos estágios anteriores, que evoluíram. Dessa forma, há presença de perda óssea, perda de dentes e retração excessiva da gengiva.

Em suma, é um problema sério e que pode levar a perda de um ou mais dentes, por isso, é indispensável ter cuidados especiais. Ao notar os sintomas iniciais da gengivite, é importante procurar um dentista especialista em periodontia para avaliar o quadro.

Portanto, ao contar com um diagnóstico precoce é possível evitar que o problema evolua para os estágios mais críticos, que comprometem a saúde oral. Além disso, identificar o problema nas fases iniciais é a principal maneira para recuperar a saúde e promover a sua qualidade de vida e bem-estar.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe