Cirurgia periodontal

Cirurgia Periodontal: Preparação, Procedimento e Recuperação

A cirurgia periodontal é um procedimento necessário no tratamento de infecções que afetam o tecido da gengiva e estrutura óssea dos dentes, levando à inflamação, vermelhidão, inchaço e perda óssea ao redor dos dentes.

Neste artigo, explicaremos tudo sobre as etapas de preparação e recuperação da cirurgia, além do próprio procedimento em si. Então, se você quer saber mais a respeito do tema, continue a leitura do texto.

O que é a cirurgia periodontal?

A periodontologia é uma área da Medicina Dentária voltada para os tecidos de suporte dos dentes, ou seja, as gengivas, o osso e o ligamento que se encontra entre o tecido e o osso. Por isso, é uma especialidade associada à beleza da dentição e à estética do sorriso.

Com a cirurgia periodontal é possível oferecer um sorriso mais equilibrado e natural, além de tratar doenças muito comuns como a gengivite e a periodontite, que podem tornar-se perigosas para a gengiva.

Ainda, esse procedimento visa corrigir defeitos que podem ocorrer naturalmente ou em decorrência das doenças periodontais, como as retrações gengivais, fratura dentária e o sorriso gengival.

Quando é indicada?

A cirurgia periodontal é indicada em casos de retração gengival, alteração de papilas interdentais, reabsorções em função de extrações dentárias e quaisquer outros problemas que afetem a região do periodonto.

Como é o preparo?

Assim como qualquer procedimento cirúrgico, o paciente precisa seguir algumas orientações no pré-operatório a fim de garantir o sucesso da cirurgia. No caso da cirurgia periodontal, será necessário passar por uma consulta de avaliação.

Nessa consulta, o dentista fará uma análise completa do estado de saúde do paciente. Para isso, ele solicitará alguns exames e será preciso informá-lo sobre o histórico de doenças e infecções prévias.

Por último, o paciente será orientado a manter-se bem nutrido, pois contribui para o processo de cicatrização. Com o mesmo objetivo e para reduzir o risco de complicações, ele deverá parar de fumar um mês antes do procedimento e não consumir bebidas alcoólicas.

Como funciona a cirurgia?

A técnica utilizada varia de acordo com o objetivo do paciente. Entre os principais tipos de cirurgia periodontal estão o retalho gengival, a gengivectomia e a gengivoplastia. A seguir saiba mais sobre elas:

  • retalho gengival: quando as bolsas periodontais possuem mais de 5 mm de profundidade, o periodontista realizará o retalho gengival. Para isso, realiza-se um corte no tecido gengival para separá-lo do dente, faz-se a limpeza geral e remove-se o tártaro;
  • gengivectomia: o procedimento é realizado para retirar o excesso de tecido gengival e melhorar a limpeza dos dentes;
  • gengivoplastia: técnica usada para remodelar o tecido gengival saudável ao redor dos dentes, melhorando sua aparência.

E o pós-operatório?

A recuperação da cirurgia  varia de pessoa para pessoa. No primeiro momento, coloca-se uma proteção no palato duro para não afetar a mastigação que deve ser mantida por até 14 dias. Posteriormente, remove-se a sutura e o paciente é orientado sobre técnicas de higiene oral.

O sucesso do procedimento depende do comprometimento do paciente, que precisará seguir à risca todas as recomendações do dentista. De modo geral, os resultados são excelentes e satisfatórios.

Então, como você pode perceber, a cirurgia periodontal é a alternativa ideal no tratamento de doenças que acometem a região do periodonto. Portanto, se você precisa realizar essa cirurgia, esteja atento aos cuidados pré e pós-operatórios.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe