Cirurgia periodontal

Cirurgia periodontal: preparação, o que esperar e recuperação

A cirurgia periodontal é um recurso muito eficiente para o tratamento de diversas doenças relacionadas à gengiva. Nesse sentido, é importante observar que a maior parte dos problemas de infecção e inflamação gengival tem ligação com bactérias que grudam nos dentes. Por isso, a higienização adequada é fundamental para a manutenção da boa saúde bucal.

Além disso, vale lembrar que a doença gengival é uma situação muito complexa, pois afeta os ossos que sustentam o dente, podendo destruir a gengiva. A cirurgia que vamos ver com mais detalhes a seguir é usada quando o tratamento mais conservador não foi o suficiente ou o quadro evoluiu para uma situação mais grave (periodontite).

Então, quer entender mais? Continue a leitura e fique por dentro do tema!

Preparação para cirurgia periodontal

Assim como ocorre em qualquer outro procedimento cirúrgico, o especialista precisa saber se a pessoa está apta. Por isso, para que tudo seja feito com segurança, o cirurgião dentista poderá:

  • pedir o histórico médico do paciente;
  • fazer um exame detalhado da mandíbula, boca e dentes para avaliar as condições gerais;
  • analisar se existem lesões adicionais, abscessos ou infecções que possam tornar a cirurgia mais complicada ou interferir no adequado processo de cicatrização.

O paciente não precisa ficar apreensivo sobre as etapas e o que será feito, pois o especialista responsável pela cirurgia periodontal discutirá todos os aspectos com ele, incluindo os benefícios e possíveis complicações.

Expectativas com o procedimento

Por meio da cirurgia periodontal, o profissional consegue verificar melhor as raízes dos dentes e, então, seguir com uma limpeza mais profunda e remoção intensa de placas. Como resultado, será possível garantir que a doença gengival seja controlada de maneira mais eficiente.

E tem mais, como o procedimento permite a remodelagem da gengiva, o cirurgião poderá fazer com que a limpeza diária fique mais fácil, de forma que o paciente consiga manter uma saúde gengival muito melhor.

Contudo, cabe fazer uma observação que envolve as responsabilidades do paciente. Isto é, por mais eficiente que a cirurgia tenha sido, a manutenção dos bons resultados dependerá, além da gravidade da doença quando o tratamento foi feito, do quanto ele cuidará de sua higiene bucal após o procedimento.

Recuperação

Quanto à recuperação da cirurgia periodontal, não há como definir um padrão para todos os pacientes. Afinal, diversos pontos são considerados aqui como, por exemplo, o estado de saúde geral do indivíduo, a gravidade da doença e se não houve nenhuma complicação posterior.

No entanto, para garantir que o período de recuperação seja mais rápido e eficaz, é fundamental que o paciente siga todas as orientações dadas pelo seu dentista.

No mais, alguns eventos são considerados normais e até esperados, como desconforto e um leve sangramento. Por fim, quem fuma deve evitar o hábito, uma vez que, além de prejudicar a saúde, atrasa o processo de cicatrização.

A cirurgia periodontal apresenta excelentes resultados. Entretanto, eventualidades podem acontecer. Sinais de infecção, dor intensa e sangramentos são sinais sérios e, caso ocorram, o paciente deve procurar imediatamente o profissional responsável pelo seu tratamento.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena!

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe