apicectomia

Apicectomia: entenda a cirurgia endodôntica e quando ela é indicada 

A apicectomia, conhecida também como cirurgia periapical ou cirurgia endodôntica, é um procedimento odontológico que visa tratar problemas na extremidade da raiz do dente. Nesse sentido, os profissionais indicam geralmente essa cirurgia quando outras modalidades de tratamento endodôntico, como o procedimento de canal, não solucionaram completamente a infecção ou inflamação no dente. Por isso, no artigo a seguir, vamos entender melhor o procedimento. Confira! 

O que é apicectomia? 

A cirurgia endodôntica é um procedimento cirúrgico que consiste na remoção da ponta da raiz do dente, chamada de ápice, e da lesão inflamatória ou infecciosa ao seu redor. Ela é realizada quando uma infecção persiste no dente mesmo após o tratamento de canal convencional, ou quando há a presença de um cisto ou granuloma no ápice do dente. 

Como é a cirurgia? 

A cirurgia endodôntica é feita em consultório odontológico, com o paciente sob anestesia local para garantir o conforto durante o procedimento. Assim, o cirurgião dentista faz uma pequena incisão na gengiva para expor a raiz do dente. Em seguida, remove a ponta da raiz e o tecido inflamado ou infectado. Além disso, o canal do dente é limpo e selado novamente para evitar que novas infecções ocorram. A incisão na gengiva é então suturada, e o paciente recebe instruções de cuidados pós-operatórios para garantir uma boa recuperação. 

Quando a apicectomia é indicada? 

A cirurgia periapical é indicada quando o tratamento de canal convencional não foi suficiente para eliminar completamente a infecção ou inflamação no dente. Além disso, ela pode ser uma opção em casos de: 

  • Dentes com Canais Muito Curvos ou Obstruídos. Quando os canais radiculares do dente são muito curvos ou obstruídos, torna-se difícil alcançar toda a área afetada com o tratamento de canal convencional. Nesses casos, a cirurgia pode ser a melhor opção para garantir a remoção completa da infecção. 
  • Reaparecimento da Infecção. Em alguns casos, a infecção pode reaparecer mesmo após um tratamento de canal bem-sucedido. Nesses casos, a cirurgia periapical pode ser necessária para eliminar definitivamente a infecção. 
  • Presença de Cistos ou Granulomas. Quando há cistos ou granulomas no ápice do dente, a cirurgia periapical pode remover essas lesões e evitar que elas causem danos aos tecidos ao redor. 

Recuperação e cuidados pós-operatórios 

Após o procedimento de cirurgia apicectomia, é normal que o paciente sinta um certo desconforto e inchaço na região operada. É importante seguir as orientações do dentista quanto aos cuidados pós-operatórios. Nesse sentido, é importante manter o repouso, uso de analgésicos e anti-inflamatórios, aplicação de compressas geladas e evitar alimentos muito quentes ou duros nos primeiros dias após a cirurgia. O dentista também pode prescrever antibióticos para prevenir infecções. 

Se você está enfrentando problemas dentários, consulte um cirurgião dentista para uma avaliação detalhada e um plano de tratamento adequado. 

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Então, leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como periodontista e implantodontista em Barbacena! 

Dr. Sérgio Caetano

Dr. Sérgio Caetano

O que deseja encontrar?

Compartilhe